Pequenas atitudes do dia a dia podem ser fundamentais para manter o bom relacionamento com aqueles que moram próximos a você

Como diz o ditado popular, não faça para os outros o que não gostaria que fizessem com você. Uma boa convivência entre vizinhos é fundamental para o bem-estar geral em um prédio ou condomínio, ainda mais em tempos de pandemia.

Até então as pessoas passavam a maior parte do seu tempo fora de suas residências e precisaram se adaptar a essa nova rotina que já dura meses, muitas pessoas estão trabalhando remotamente de casa, em home office.

Toda a incerteza e ansiedade que a situação do mundo proporciona pode acarretar em desavenças entre vizinhos por causa de barulhos ou outras situações cotidianas. Para garantir a boa convivência entre moradores, separamos algumas dicas para reduzir conflitos e melhorar o ambiente. Confira!

  • Respeite as regras

Prédios residenciais e condomínios costumam ter regras pré-estabelecidas e respeitá-las é o primeiro passo para uma boa convivência entre vizinhos.

Respeite as normas de velocidade do condomínio, dirija cautelosamente e evite buzinar. Essas ações são importantes tanto para manter a boa convivência, como para evitar acidentes.

As áreas de lazer e de uso comum, que até então estavam restritas por causa da pandemia, agora estão começando a ser frequentadas novamente, siga corretamente as orientações para evitar situações desagradáveis.

Não se esqueça de usar máscara sempre que sair de casa.

  • Cuidado com o barulho

Seja de música, televisão, videogame ou conversas na varanda, sons altos podem incomodar aqueles que moram próximos a você. Conversas muito acaloradas perto de janelas e varandas devem ser moderadas, principalmente após as dez da noite.

Pequenos barulhos também incomodam: secadores de cabelo, liquidificadores ou até mesmo as marteladas constantes de um apartamento em reforma. Barulhos como esses podem se tornar um pesadelo na vida de quem está trabalhando de casa. Empatia é tudo nesse momento.

Haja com moderação e respeite a Lei do Silêncio.

  • Evite deixar os animais presos

Animais de estimação presos tendem a ficar estressados, agitados e latindo de maneira incessante. Isso, além de não ser bom para a saúde do bichinho, acaba incomodando os vizinhos. Com a flexibilização, já é possível levar o animal para passeios diários em alguns prédios e condomínios, mas lembre-se sempre de utilizar a guia em áreas comuns e limpar toda a sujeira feita por ele.

  • Cuidado com as crianças

Pais, fiquem atentos às regras do prédio ou condomínio para garantir uma boa convivência. Crianças pequenas devem estar acompanhadas por um responsável sempre que forem passear ou brincar nas áreas de lazer, lembre-se também de reforçar o respeito com as outras crianças que estão no local.

  • Seja gentil

De nada adianta seguir todas as regras se você não praticar a gentileza, certo? Agir de maneira grosseira pode fazer de você um vizinho desagradável e acabará se afastando dos outros moradores.

Para que isso não aconteça, partimos do princípio de que gentileza gera gentileza. Seja educado, cumprimente e sorria para os outros moradores.

Durante a pandemia as regras de convivência nos prédios e condomínios se tornaram ainda mais fundamentais para garantir a segurança de todos nesse tempo tão difícil. Pratique a empatia e siga essas diretrizes para garantir uma boa convivência com seus vizinhos.

Iniciar conversa!
Precisa de ajuda?